Saiba mais sobre a Dieta das Proteínas

O princípio básico da dieta das proteínas é turbinar os músculos do corpo.

Carne tem proteína, então podemos colocar na dieta picanha e outras carnes ricas em gordura. Não, não podemos.

Escolha carnes vermelhas que tenham pouca gordura ou não verá bons resultados. Frango – com a escolha de cortes magros – e peixes com menor teor de gordura, como o salmão e o atum, são ideais. Inclua o ovo (principalmente a clara), leite e derivados à dieta.

Por que trocar a dieta convencional pela dieta das proteínas?

A proteína promove um efeito termogênico. Isso quer dizer que ela te faz eliminar gorduras.

Você pode comer diversas fontes de proteína. Não precisa abandonar leite e derivados, por exemplo, como algumas dietas restritivas pedem.

Gosta de chá? Todos eles estão liberados.

O que NÃO pode consumir na dieta das proteínas

  • Alimentos ricos em açúcar, como sobremesas calóricas. Pelo mesmo motivo, passe longe dos refrigerantes.
  • Batata.
  • Arroz.
  • Macarrão, só pode o integral.
  • Mandioca.
  • Milho.
  • Pão, só pode o integral.
  • Café, só pode o descafeinado.

O fator que faz a “mágica” de manter a sua massa muscular e apenas eliminar o indesejado, as gorduras, é a propriedade termogênica dessa dieta.

Hydrolysed Whey Protein® é uma das formas mais avançadas de whey protein e é bastante consumido por pessoas que possam ter alguma dificuldade na digestão de proteína. Algumas das ligações peptídicas nos seus aminoácidos foram fracionadas enzimaticamente em aminoácidos com cadeias mais curtas, para proporcionar uma melhor absorção.

E ainda tem bônus: a pele fica mais bonita, o corpo fica mais tonificado, e você tem aquela sensação de saciedade mais prolongada, ou seja, a fome demora a aparecer.

Alimentos “magros” e que devem ser consumidos

  • Dê preferência ao queijo cottage, requeijão light e verifique o teor de gordura mencionado nas embalagens de outros laticínios.
  • Iogurte sem gordura e sem açúcar.
  • Feijão.
  • Frango.
  • Frutos do mar como salmão e atum.
  • Carne vermelha, só as que têm pouca gordura. Escolha bem os cortes.
  • Proteína do soro do leite (Whey Protein).
  • Proteína do ovo (contida na clara – chamada albumina e que também é encontrada em versão industrializada).
  • Carboidratos, apenas os em versão integral, como pães e bolos. Confira no produto se há adição de farinha de trigo. Se houver, descarte.
  • Verduras e legumes.
VEJA  Tilápia com Alho e Azeite de Ervas

Verduras e legumes como espinafre, alface, cebola, brócolis, couve-flor, cenoura e tomate podem ser incluídos à dieta. Principalmente no jantar, onde proteínas demais tendem a pesar no estômago antes de dormir.

Frutas

Podem ser consumidas as frutas: banana, morango, laranja, melancia, entre outras. Consulte um nutricionista para saber quais alimentos mais estão liberados na sua dieta.

Importante saber

Se você tem problemas nos rins, deve evitar essa dieta. O excesso de proteínas pode prejudicar a sua saúde.

Para as demais pessoas que pretendem iniciar na dieta das proteínas, é aconselhável que bebam bastante água, para evitar uma possível desidratação.

Se não optar por proteínas magras e de boa qualidade, sem gorduras, você pode ter problemas de colesterol alto.

Sempre consulte um profissional para ter as recomendações necessárias para a boa manutenção da sua saúde.

Há inúmeras possibilidades de dietas disponíveis hoje em dia, mas nem todas se adéquam ao estilo de vida ou necessidades de qualquer pessoa.

Sem dúvidas, a dieta das proteínas pode contribuir para o seu objetivo de perder peso. Pratique também atividades físicas, e os resultados aparecerão ainda mais rápido.

Gostou do post? Comente e compartilhe com seus amigos.

Encontre os melhores suplementos alimentares na Loja do Suplemento.

(Visitado 194 vezes, 1 visitas hoje)