Celular pode causar problemas graves na coluna

Uma das maiores queixas de dores hoje em dia vem sendo causada pelo uso indiscriminado do celular. Isso porque ficamos horas com a cabeça baixa forçando o pescoço. Além da má postura, podemos ficar longos períodos sentados ou de pé nesta mesma posição com o celular e sem nos mexermos.

Nos Estados Unidos, uma pesquisa sugere que 79% da população, com idade entre 18 e 44 anos, ficam com seus celulares próximos a eles durante 22 horas por dia. O uso prolongado desta tecnologia interfere na saúde da coluna. Quando a cabeça está levantada e a coluna ereta, o peso está todo equilibrado. No momento em que a cabeça está posicionada para o chão, é como se uma criança de 8 anos estivesse sentada no pescoço. E é justamente esta a posição que as pessoas ficam quando estão mexendo em seus celulares.

A dor provocada pela posição caída da cabeça recebeu o nome de Text Neck e tem como sintomas: a dor de cabeça crônica; a dor nas costas, nos ombros e no pescoço e a mudança na curvatura da espinha.

A prevenção é a melhor forma de não sofrer com os problemas na coluna, mas há outras dicas:

– Segurar o celular na altura dos olhos;

– Fazer intervalos para se distanciar de celulares e computadores;

– Realizar alongamentos durante o dia;

– Fazer exercícios físicos.

A falta de cuidados pode ocasionar deformidades nas estruturas vertebrais, antecipar lesões discais e artrose. Caso uma dor de cabeça forte ou na coluna comece, busque um médico.

Cuide da sua saúde hoje pois o tempo não dá trégua a ninguém.

(Visitado 20 vezes, 1 visitas hoje)